Clínica Própria ou Franquia?

como abrir

 

Clínica Própria ou Franquia?

Conheça alguns mitos sobre este assunto:

1 – Abrir uma clínica própria hoje é impossível!

2 – Basta comprar uma unidade de franquia e farão tudo por você!

3- Se eu tiver uma unidade de franquia não precisarei trabalhar!

 

Realmente não é fácil começar um negócio novo do zero. O que você precisa avaliar:

– Já tenho uma carteira de clientes ou formas de captá-los?

– Tenho as noções de administração para iniciar este negócio?

– Estou começando este novo negócio baseado nas necessidades do mercado ou na minha vontade?

 

Se você optar por uma CLÍNICA PRÓPRIA:

– Tenha parceiros e prestadores que o apoiem e orientem (contador, agência de comunicação, advogado, consultor…)

– Defina ponto, estrutura, decoração, preço e produtos baseado no público que você consegue captar com maior facilidade

– Faça projetos antes da execução para evitar erros e perda de dinheiro

– Tenha um plano de comunicação e reserve um investimento mensal (obrigatório) para isso

– Tenha um software de gestão desde o início

– Monte uma equipe eficiente incluindo recepção, área clínica e comercial

 

Se você optar por uma FRANQUIA:

  1. Solidez e apoio da franqueadora

Verifique o número de unidades próprias e franqueadas. Converse com os franqueados, não apenas os indicados pela franquia. Levante o tempo de atuação de cada franqueado, faturamento, ações de captação, suporte e treinamento oferecido.

Visite as unidades em dia de atendimento normal. Peça ajuda jurídica para avaliar o contrato e entenda a importância da avaliação de perfil do candidato e de potencial da região.

Não se iluda com a facilidade de ser um dos primeiros franqueados, com isenção de royaltes ou com a pressão pela reserva de um ponto. Quanto mais sério o franqueador mais exigente ele será na seleção, evitando iniciar uma unidade que possa colocar em risco sua marca.

  1. Relevância da marca

Um dos pontos essenciais da uma franquia é a força que sua marca representa ao cliente, ou seja, o quanto esta marca é conhecida e por quais valores é reconhecida. O que esta marca agrega? O que ela comunica? De que forma atrai seus clientes? No que se diferencia das outras marcas do mesmo segmento? Que tipo de público atrai?

  1. Taxas e tempo de retorno

Analise cuidadosamente os investimentos necessários e o tempo de retorno estimado. Lembre-se de incluir todas as taxas, investimento em imóvel, reforma, móveis, materiais, equipamentos, gastos com funcionários e terceiros, capital de giro, propaganda, entre outros.

A franquia tem pontos positivos em relação a um negócio próprio por ser um modelo testado e que permite trabalhar em grupo, aumentando o poder de negociação e a força da marca, por isso, se esta for sua escolha, avalie muito bem se o negócio escolhido oferece esta solidez, organização e apoio.

 

Enfim, qualquer que seja sua decisão, exigirá muito esforço e comprometimento para alavancar e tornar-se sólida, mas vale todo suor. Você estará investindo em algo que ama fazer e criando um lugar muito especial para você e seus clientes! Muito sucesso!

 

Profª Ms Gleice Oliveira

cursos@aconsultora.com.br